Matérias

Barcos entregues pelo Ministério da Saúde vão ampliar atendimento a indígenas do Alto Rio Solimões

Em alusão ao Dia do Índio, lembrado no último 19 de abril, o Ministério da Saúde realizou uma série de ações para melhorar a qualidade de vida dos indígenas.

Exemplo disso é que 50 aldeias da região do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) do Alto Rio Solimões foram beneficiadas com a entrega de 50 embarcações. Estes veículos irão reforçar e ampliar a assistência à saúde na região, onde 95% do transporte é fluvial o ano todo. Para o secretário-especial de Saúde Indígena do Ministério da Saúde, Marco Antônio Toccolini, o desafio agora é qualificar a aplicação do orçamento público destinado ao cuidado da saúde indígena.

“Os investimentos que são necessários para serem feitos na saúde Indígena, nós já temos recursos para isso. Nós precisamos agora é de agentes públicos comprometido com a saúde indígena e que realmente queiram fazer a saúde indígena melhorar. Nós temos que suar a camisa para fazer a saúde indígena melhorar nesse país porque é inadmissível nós termos mortes por negligência com a saúde indígena”.

Ao todo, o Ministério da Saúde investiu R$ 970 mil. Os novos equipamentos vão permitir reestruturar e dar agilidade ao atendimento de cerca de 1.650 famílias ribeirinhas e 9 mil indígenas.

As embarcações, equipadas com motores de 15hp, somam-se às 50 já entregues, em agosto de 2016, pelo Ministério da Saúde, para apoiar no deslocamento dos profissionais de saúde e nas remoções de urgência dos pacientes aos Polos Base e Unidades de Saúde de referência. Para saber mais acesse www.saude.gov.br.

Deixe seu comentário

Rádios

Links

Links

Arquivos

  • Arquivos