Especialistas discutem em Manaus opções para quem deseja investir em negócios nos EUA e obter o Green Card 

Viver nos Estados Unidos é o sonho de muitos brasileiros. Uma das formas mais seguras e eficientes de obter o Green Card – residência permanente no país – é por meio do programa EB-5. Esta modalidade de visto foi criada em 1990 pelo governo americano, com a finalidade de movimentar a economia, através de investimentos estrangeiros no país. Para explicar como funciona o sistema, como usufruir dele, será realizado em Manaus, no próximo dia 20, um seminário reunindo especialistas no tema. O público também poderá conhecer opções de negócios para investir nos EUA mesmo que não tenha pretensão de residir no país.

O evento, que é uma promoção da Oxford Group, maior empresa de consultoria brasileira nos Estados Unidos, e da Associação PanAmazônia, será realizado às 17h, no auditório Auton Furtado Júnior, da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), na avenida Joaquim Nabuco, 1919, Centro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo e-mail info.panamazonia@gmail.com.

Durante o seminário em Manaus serão detalhados os aspectos legais e administrativos que envolvem o investimento no programa EB-5. Os palestrantes convidados são Carlo Barbieri, CEO da Oxford, Kevin Wright, especialista em visto pelo EB-5 e Aaron Schock, deputado americano que tem forte atuação em projetos EB-5, no Congresso Americano.

Para se enquadrar no programa EB–5, o investidor deve aplicar seu capital em um negócio que gere pelo menos 10 vagas de emprego nos Estados Unidos. Ele não precisa ter qualquer obrigação com o projeto no qual o capital foi investido. Com o investimento o indivíduo e sua família (filhos menores de 21 anos) poderão morar e trabalhar em qualquer lugar dos EUA. Não é preciso ter especializações ou experiências profissionais específicas. Não é preciso aguardar sorteios nem lista de espera para obter o Green Card. Entre os critérios para tornar-se um investidor nos EUA, estão: não ter ficha criminal, possuir capital suficiente para viver no país durante o período de 5 anos sem dispor do valor investido, e comprovar a origem limpa do dinheiro utilizado.

Segundo o CEO da Oxford Group, Carlo Barbieri, a pessoa interessada no programa EB-5 pode aplicar seu dinheiro em seu próprio projeto no programa. Este terá que desenvolver um plano de negócios específico, demonstrando que o capital será investido em uma nova empresa, atendendo aos critérios com relação à geração de empregos. Nesse processo, diz ele, é muito importante ter o suporte de uma consultoria especializada, para acompanhar a tramitação e para garantir que o projeto esteja de acordo com as normas da imigração. Ele ressalta que, além da obtenção do Green Card, uma das vantagens do EB-5 é que o investidor receberá, ao final de cinco anos, o seu dinheiro de volta.

Especializada no assunto, a Oxford tem expertise em todo o processo de obtenção do Green Card, pelo EB-5, desde a identificação do melhor projeto para o investidor, levando em consideração a necessidade de mudança para o EUA, perfil do cliente e taxa de retorno desejada. Também dão todo suporte na mudança para o país americano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *